Prefeitura responde sobre progressão instituída pelo Plano de Carreiras

Desde a vigência da lei, nenhum funcionário público obteve promoção em função de avaliação de desempenho

Publicado em: 02 de outubro de 2019

Desde o início da vigência da Lei Complementar 91/2010, que instituiu o Plano de Empregos, Salários e Carreiras dos servidores públicos municipais, nenhum funcionário obteve promoção por merecimento em função de avaliação de desempenho. Os decretos que nomearam membros para compor o Conselho Municipal de Política de Administração e Remuneração de Pessoal foram editados em 2013.

 

As informações são do departamento de Recursos Humanos da Prefeitura em resposta a Requerimento apresentado em setembro pelos vereadores Marquinhos Gava (PR) e Aline Castro (PEN).

 

“Essa situação gera prejuízo a todos, principalmente para o funcionário dedicado e que tem comprometimento em prestar bons serviços para a população”, avalia Gava.

 

A Câmara também recebeu informações sobre Requerimentos de Lelo Lodi (PP) e de Gava que perguntaram sobre despesas (capital e corrente) do município e processo administrativo de licitação que originou a aquisição de caminhão de compactação de lixo, respectivamente. 


Publicado por: Gabriel Pizzo Ottoboni - Ass. de Comunicação, Cerimonial e Eventos

Cadastre-se e receba notícias em seu email